Filed Under:  Notícias

‘Vai viajar sozinha?’, Veja dicas para fugir de perigos, violência e assédio

20th outubro 2016   ·   0 Comments

Existe mulher que adora viajar e explorar o mundo sozinha. Blogueira dá dicas para curtir o passeio ao máximo e evitar situações que ofereçam risco

Você é daquelas mulheres com alma de exploradora e gosta de viajar. Se tiver de ir sozinha, tudo bem. A blogueira Lala Rebelo é uma dessas mulheres. Ela viaja desde os 15 anos e já conheceu 57 países. E foi sozinha para muitos desses destinos. Entretanto, nem tudo foi um sonho de viagem. Mulheres sozinhas podem passar por situações de risco, assédio e violência.

Lalá conta que em uma viagem sozinha à França foi cercada por um grupo de homens. Ela estava no último vagão de um trêm quando os rapazes chegaram. “Quando consegui fugir do trem, chorei rios”, relata.

“Infelizmente, em pleno século XXI, continuamos à mercê daqueles que acham que podem fazer o que quiserem com as mulheres, principalmente em um lugar não familiar para nós”, afirma. Ainda segundo a blogueira, a violência contra a mulher pode acontecer em países ricos, pobres e de diferentes culturas.

Entretanto, isso não é motivo para deixar de viajar. A vontade de conhecer novos lugares não sumiu depois do episódio na França. “Minha sede de explorar o mundo poderia ter ido embora com as lágrimas, mas não foi”, comenta.

Com alguns cuidados%2C viajar sozinha pode ser uma excelente aventura e até uma forma de se conhecer como no filme

Com alguns cuidados, viajar sozinha pode ser uma excelente aventura e até uma forma de se conhecer como no filme “Comer, rezar e amar”

Foto: Divulgação

Lala dá uma série de dicas para quem quer, sim, conhecer o mundo. E por que não fazer isso sozinha?

Planejamento

É importante que aconteça um planejamento antes de ir viajar. A mulher deve pesquisar muito bem o local que irá ficar, seja um hotel ou albergue, principalmente a localização deles. “Tente achar comentários de quem já foi”, opina.

Também é importante planejar o que pretende fazer no local e quais lugares vai visitar. Tenha um mapa sempre em mãos. Além disso, não aceite sugestões de programações sem antes pesquisar para saber do que se trata.

Passeios e tours

A blogueira aconselha participar de passeios coletivos. “É mais seguro e favorece aà sozialização”, explica. Ainda evite parques e ruas desertas, e opte sempre por encontros em lugares públicos, com mais gente ao redor.

Dinheiro

Uma dica muito importante é levar cartão de crédito, débito, dinheiro e vários tipos de meio de pagamento para distribuir em diferentes lugares. “Um pouco na carteira, um pouco na mala e algo na famosa pochete interna”, conta.

Se ainda assim você for roubado, a dica de Lala é não pedir favores à estranhos. “Existe empresas de envio de dinheiro em minutos espalhadas ao redor do mundo e você pode pedir para que alguém da família envie a quantia a você”.

Respeite a cultura local

É importante que a mulher que viajou sozinha tente se vestir conforme os costumes do lugar. “Pesquise como as mulheres se vestem em determinado país para se vestir de acordo, e assim não ofender ninguém”, opina a blogueira.

Cuidados extras

Não aceitar bebida de estranhos é um cuidado que deve-se tomar na vida, mas principalmente quando está em um lugar desconhecido ou com pessoas desconhecidas. Ter cópia dos documentos e reservas no e-mail também é um cuidado importante, segundo a viajante. “Antes de viajar sozinha, deixe seus familiares ou amigos cientes de seu itinerário”, pontua.

LEIA TAMBÉM: