Filed Under:  Decoração

A decoração na tela do computador

17th abril 2017   ·   0 Comments

Profissional cria serviço online e mais acessível. Despesas podem ser até 40% menores em comparação a um projeto tradicional

Quem não tem dúvida quando o assunto é decorar, né? E, principalmente, quando os espaços são mais compactos. Como aproveitar cada cantinho? Que tamanho de sofá comprar? E a mesa, para quantos lugares? Aquela parede branca, que pede uma pintura diferente. Mas de que cor? Essas são apenas algumas das muitas perguntas de quem compra ou aluga um imóvel, mas não pode ou não quer contratar um arquiteto. Porém, gostaria de ter a assessoria de um profissional. Outra situação são pessoas que têm um imóvel, residencial ou comercial, em outra cidade e não têm tempo de ir até o local contratar um arquiteto.

Nesses casos, a solução pode ser contratar um serviço ‘express’, com preço diferenciado, mais rápido, à distância e com a possibilidade de pagar no cartão de crédito. De acordo com a arquiteta Larissa Lóh, que oferece o serviço ‘Lóhve’ em seu site, os preços podem ser de 25% a 40% menores que um projeto tradicional. “Além disso, a pessoa não precisa contratar a execução juntamente com o projeto, que é o acompanhamento da obra pelo arquiteto. Este serviço também pode ser feito, mas não é obrigatório, tornando-o ainda mais acessível. Outra vantagem é que o ‘Lóvhe’ também está disponível para ambientes comerciais, como escritórios e recepções, entre vários outros. E que tal dar de presente de formatura um projeto de uma sala comercial ou um cantinho da casa para aquele casal que acabou de trocar alianças? É um novo perfil de consumidor que surgiu e precisa de uma consultoria”, avalia.

Na prática, funciona assim: o cliente fotografa o ambiente sob vários ângulos. Depois, faz um esboço especificando todas as medidas do espaço, completando com ideias, desejos e mobiliário que quer manter, adicionar ou trocar. Se tiver imagens de referência e detalhes, pode incluí-los para que a arquiteta entenda melhor o estilo do morador. Depois, basta enviar as informações e os arquivos por meio de um formulário no próprio site. “Logo em seguida, o cliente recebe um orçamento. E, se estiver de acordo, efetua o pagamento online, com toda comodidade e segurança. Após o pagamento, agendo uma conversa por telefone ou Skype para esclarecer alguns detalhes e conhecer melhor as necessidades dele. Em 15 dias úteis após nossa conversa, ele recebe o projeto totalmente personalizado”, explica Larissa.

É muito provável que, neste meio-tempo, surjam várias dúvidas. Por isso, antes de fechar o projeto final, a arquiteta envia diversas referências e uma ideia de layout. “Só após a aprovação desta fase inicial o projeto é fechado. Porém, se ainda houver qualquer pergunta, ela pode ser respondida por e-mail ou por uma conversa via Skype. Também envio links de sites onde as peças que sugeri podem ser compradas, o que facilita ainda mais a execução do espaço”, diz a arquiteta.

LEIA TAMBÉM: